Câmara aprova projeto que concede para autistas direito de utilização de vagas reservadas para deficientes

Câmara Municipal de Presidente Prudente aprovou na sessão ordinária desta segunda-feira (26) o projeto de lei que concede as pessoas com Transtorno de Espectro Autista (TEA) o direito de utilizar as vagas reservadas para os deficientes.

O texto foi aceito pelos vereadores prudentinos em primeira e segunda discussões. Também foi aprovado o projeto de lei que institui a obrigatoriedade aos órgãos públicos e estabelecimentos privados no município de Presidente Prudente a inserir nas placas de atendimento prioritário o símbolo do autismo.

Ainda na sessão foram aprovados mais três projetos de lei, sendo um relacionado a datas comemorativas e os outros dois a nomes de ruas.

Já no expediente do dia com votação, foram debatidos 35 requerimentos de providências e de informações. Deste total, quatro foram retirados e outros sete receberam destaques para serem debatidos na próxima sessão. Assim, o plenário aprovou 20 destas matérias, conforme a Casa de Leis.

Também foram apreciados e aprovados pelos parlamentares prudentinos 45 requerimentos de congratulações.

Por fim, no expediente sem votação, foram encaminhadas ao Poder Executivo 51 indicações de diversas melhorias para bairros da cidade.

Fonte G1